Os homens se matam, não pelo que conhecem, mas pelo que creem

“Vale dizer ainda, pelo que ignoram. Não é portanto a verdade que é culpada, nem o conhecimento, nem portanto o universal, mas o encontro no homem, sempre particular, do desejo e da ignorância. O fanatismo não é amor à verdade: é o amor à verdade que se acredita conhecer.”
_______________A. Comte-Sponville

20664707_577492662421001_7460176465497256516_n

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s